CategoriesImprensa

thyssenkrupp, Embraer e Atech assinam o contrato de construção dos Navios Classe Tamandaré da Marinha do Brasil

Nesta quinta-feira (5/3), no Rio de Janeiro, a EMGEPRON, empresa estatal independente vinculada ao Ministério da Defesa por intermédio do Comando da Marinha do Brasil, e a Águas Azuis, empresa formada pela thyssenkrupp Marine Systems, Embraer Defesa & Segurança e Atech, assinaram o contrato para a construção dos quatro navios Classe Tamandaré de última geração, com entrega prevista entre 2025 e 2028.

A construção será realizada 100% no Brasil, em Itajaí (SC), com expectativa de taxas de conteúdo local acima de 30% para o primeiro navio e de 40% para os demais. A thyssenkrupp fornecerá a tecnologia naval de sua comprovada plataforma de construção de navios de defesa da Classe MEKO®, que já opera em 15 países. A Embraer integrará sensores e armamentos ao sistema de combate, incorporando ao programa seus 50 anos de experiência em soluções de tecnologia de sistemas e suporte em serviço.

A Atech, uma empresa do Grupo Embraer especializada em engenharia de sistemas para aplicações de Defesa, será a fornecedora do CMS (Combat Management System) e do IPMS (Integrated Platform Management System, da L3 MAPPS) e receptora de transferência de tecnologia em cooperação com a ATLAS ELEKTRONIK, subsidiária da thyssenkrupp Marine Systems que produz o CMS e sistemas de sonar.

“Somos gratos em poder participar novamente de um marco tão importante na história da defesa naval do Brasil com os navios mais avançados em sua classe. Relembramos as grandes conquistas que tivemos, desde a construção dos submarinos da Classe Tupi na década de 1980, e este é o reconhecimento da excelência tecnológica, confiabilidade e longevidade das soluções que oferecemos há quase dois séculos. O Programa Classe Tamandaré irá fortalecer nossos laços, por meio da transferência de tecnologia e da geração de empregos altamente qualificados para o país”, afirma Dr. Rolf Wirtz, CEO da thyssenkrupp Marine Systems.

“Essa parceria valida os esforços para expandir nosso portfólio de defesa e segurança além do segmento aeronáutico. Nos últimos anos, adquirimos experiência no desenvolvimento e na integração de sistemas complexos, entre outros, a fim de tornar a Embraer qualificada para atender às necessidades da Marinha do Brasil, além de fortalecer nossa posição como parceiro estratégico do Estado Brasileiro”, diz o CEO da Embraer Defesa & Segurança, Jackson Schneider.

Além da construção, o contrato inclui uma robusta transferência de tecnologia em engenharia naval para fabricação de navios militares e sistemas de gerenciamento de combate e de plataforma, bem como o apoio logístico integrado e o gerenciamento do ciclo de vida das embarcações.

O Programa Classe Tamandaré tem potencial de gerar empregos diretos e indiretos de alta qualificação. Prevê um sólido modelo de parceria nacional com habilidade comprovada de transferência de tecnologia e de qualificação de mão de obra local, o que garante o desenvolvimento de futuros projetos estratégicos de defesa no Brasil.

A aliança naval entre a thyssenkrupp Marine Systems e a Embraer Defesa & Segurança também permitirá criar bases para a exportação de produtos de defesa naval a partir do Brasil.

 

MEKO®: o autêntico navio para águas azuis

 Os novos navios multimissão serão baseados nas soluções comprovadas de construção naval da Classe MEKO® da thyssenkrupp Marine Systems, já utilizada em 82 embarcações em operação em Marinhas de 15 países, entre eles Portugal, Grécia, Austrália, Argentina e Argélia. O conceito exclusivo MEKO® de design modular facilita a integração local e a transferência de tecnologia, ajudando a reduzir os custos de manutenção e modernização. Combinando tecnologia de ponta, inovação e capacidades robustas de combate, a Classe MEKO® é um autêntico navio-escolta para águas azuis com qualidades excepcionais de autonomia e robustez.

 

Sobre a Águas Azuis

Águas Azuis é uma sociedade de propósito específico estabelecida entre a thyssenkrupp Marine Systems, a Embraer Defesa & Segurança e a Atech, subsidiária da Embraer, para a construção dos quatro novos navios Classe Tamandaré, a fim de ampliar e modernizar a esquadra da Marinha do Brasil. Ela terá forte presença no país e conta com a sólida experiência das suas empresas controladoras em diversas áreas.

As empresas integrantes têm um sólido e longo histórico de relacionamento, além de forte presença em diversos países. Líder da parceria naval Águas Azuis, a thyssenkrupp Marine Systems, empresa do Grupo thyssenkrupp, é um dos fornecedores líderes mundiais de sistemas para submarinos e embarcações de superfície naval, bem como tecnologias de segurança marítima com histórico secular de construção naval. A Embraer Defesa & Segurança, unidade de negócio da Embraer, está presente em mais de 60 países e é líder na indústria aeroespacial e de defesa na América Latina.

A Atech, subsidiária da Embraer, desenvolve soluções inovadoras para controle de tráfego aéreo, sistemas de comando e controle, segurança cibernética, sistemas de instrumentação e controle, sistemas embarcados, simuladores e logística. Também atua em outros projetos estratégicos da Marinha do Brasil, como o LABGENE (laboratório de geração de energia nuclear), para o qual desenvolve sistemas de Controle e Proteção e o sistema tático de missões de combate para o H225M/H-XBR SUPER COUGAR da Marinha do Brasil.

CategoriesImprensa,  Sem categoria

Atech é Certificada com uma das Melhores Empresas Para Trabalhar no Brasil

Empresa conquistou certificação pela prestigiada entidade Great Place To Work

 

A Atech S.A., empresa do Grupo Embraer, conquistou a certificação GPTW, obtida junto à consultoria de mesmo nome, reconhecida internacionalmente. O Programa de Certificação GPTW mede a percepção dos funcionários em relação à empresa. Ao obter tal certificação, os colaboradores Atech atestaram que a empresa conta com um ótimo ambiente de trabalho.

Durante o ano de 2019, a Atech investiu energia em escutar e entender quais pontos deveriam ser trabalhados, direcionando as ações de melhoria da Atech e, assim, obtendo como consequência dessas ações a certificação como um GPTW.

A avaliação por parte dos funcionários teve uma expressiva participação – 72% dos colaboradores responderam a pesquisa, obtendo como pontos mais valorizados os benefícios da empresa, a possibilidade de todos terem um bom equilíbrio de vida pessoal e profissional, e o reconhecimento por ser uma empresa honesta, ética, respeitosa e que preza pelo bom relacionamento.

“Nos dados qualitativos da pesquisa ficou evidente que os profissionais sentem que podem ser eles mesmos em um ambiente de trabalho respeitoso e amigável e reforçaram que a flexibilidade nos horários de trabalho permite um bom equilíbrio de vida e profissional”, destaca a gerente de Recursos Humanos, Larissa Malinauskas Biolcati.

“Para a Atech, obter a certificação GPTW reforça o quanto é importante ter um ambiente de trabalho e uma equipe em sinergia para o crescimento da empresa. Sermos reconhecidos pelos nossos próprios colaboradores é muito gratificante”, conclui o presidente da Atech, Edson Mallaco.

 

 

CategoriesImprensa

Atech integra comitiva presidencial em visita oficial à Índia

Empresa brasileira foi responsável pela implantação de sistema de gerenciamento de fluxo de tráfego aéreo naquele país

A Atech S.A., empresa do Grupo Embraer, integra a delegação de empresários que acompanha a comitiva da Presidência da República em visita oficial à Índia. Além de encontros com entidades governamentais daquele país, os empresários participaram do Seminário “1º Brazil-India Defence Industry Dialogue”, realizado no dia 27 de janeiro.

O Seminário foi aberto pelo secretário de Produtos de Defesa (Seprod), Marcos Degaut, ligado ao Ministério da Defesa, e pelo secretário de Defesa da Índia, Ajay Kumar. A Atech foi representada pelo Diretor de ATM, Marcos Resende, e por Vinicius Meng, responsável pelo Desenvolvimento de Negócios de Defesa na área Internacional, que reforçaram a importância da presença das empresas brasileiras para a conquista de novos mercados ou mesmo o fortalecimento da presença do Brasil, em sintonia com a cooperação Brasil-Índia.

“Principalmente na área de Defesa, contarmos com a chancela do governo federal para possíveis acordos bilaterais é fundamental”, destaca Resende.

A Atech já possui negócios na Índia e busca fortalecer ainda mais essa parceria. Em 2019, a empresa concluiu a implantação do SKYFLOW – sistema avançado de gerenciamento de fluxo de tráfego aéreo (ATFM) de última geração com emprego de tecnologia 100% brasileira, para a Índia. Os testes finais, certificações e os aceites por parte do cliente foram concluídos em dezembro de 2019. Com isso, a Índia passa a ser a sétima região no mundo a contar com um sistema para gerenciar o tráfego aéreo. Além da Índia, somente Estados Unidos, Europa, Austrália, África do Sul, Brasil e Japão contam com sistemas exclusivos como o SKYFLOW.

O sistema SKYFLOW, da Atech, integra os dados de intenções de voos futuras das companhias aéreas, aeroportos e dados de órgãos de controle, incluindo dados de posicionamento das aeronaves, com informações de planos de voo e da situação operacional dos aeroportos e auxílios a navegação e comunicação, essenciais para a otimização do fluxo de tráfego aéreo. Com esta integração, o sistema permite que os órgãos de controle do tráfego aéreo atuem para equilibrar a demanda de voos com a capacidade operacional, a fim de garantir a segurança das operações, a regularidade e pontualidade dos voos.

Entre as vantagens do sistema estão: redução dos atrasos nos voos; melhorias na malha aeroviária da Índia; economia de combustível das aeronaves; melhor coordenação do tráfego aéreo; maior segurança e eficiência nos voos. Além disso, o SKYFLOW permite que o país atenda ao crescente aumento da demanda, que gira em torno de 187 milhões de passageiros, de acordo com dados de 2017-2018.

O SKYFLOW é a versão internacional do SIGMA (Sistema Integrado de Gestão de Movimentos Aéreos) que já opera no Brasil desde 2012, no Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), fruto de investimentos em pesquisa e desenvolvimento junto ao DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo).

 

CategoriesImprensa

FAB lança, em parceria com a Atech, novo módulo gratuito do aplicativo FPL-BR para consulta de informações aeronáuticas

A primeira versão do aplicativo permite o piloto consultar todas as cartas e publicações do DECEA de maneira ágil e segura, sobretudo em fases críticas do voo

A Força Aérea Brasileira (FAB) lançou, no dia 28 de janeiro, o aplicativo gratuito FPL BR – EFB (Electronic Flight Bag), disponível somente para tablet e Ipad, um novo módulo para a consulta de informações aeronáuticas em formato digital, como cartas de aeródromos visuais e de rotas, publicações AIP e extratos do ROTAER.

O novo módulo FPL BR – EFB foi desenvolvido pela Comissão de Implantação do Sistema de Controle do Espaço Aéreo (CISCEA), em parceria com a Atech – Negócios em Tecnologia S/A, empresa do Grupo Embraer, e estará disponível gratuitamente para tablets e iPads nas lojas Google Play e Apple Store.

A primeira versão do aplicativo permite o piloto consultar todas as cartas e publicações do DECEA de maneira ágil e segura, sobretudo em fases críticas do voo.

Por meio deste módulo, será possível armazenar as informações aeronáuticas, possibilitando sua utilização em solo e em voo. Apresentado em 2017 para elaboração, validação, envio e atualização dos dados do plano de voo pela internet – o aplicativo FPL BR já teve mais de 15 mil downloads entre as plataformas IOS e Android.

Sua interface disponibiliza a consulta do plano de voo completo (PVC) e simplificado (PVS), além de mensagens de atualização relacionadas à modificação (CHG), cancelamento (CNL) e atraso (DLA). Nos últimos anos, o Sistema de Informações Aeronáuticas vem passando por grandes alterações.

O Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), em julho de 2018, migrou os serviços de disponibilização das publicações aeronáuticas exclusivamente para o formato digital e, neste ano, publicará o aplicativo gratuito FPL BR – EFB, uma eficiente alternativa para a consulta das informações aeronáuticas.

Na segunda versão está previsto o planejamento do voo integrado à emissão do plano de voo, informações meteorológicas e NOTAM (notificação para os aeronavegantes, do inglês, Notice to Airmen). Em atendimento ao item 10, da Instrução Suplementar (IS) nº 91-002 – ANAC, o aplicativo FPL BR – EFB não está disponível para aparelho celular, somente para Tablet/Ipad.

Facilidades

O Diretor do Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA), Coronel Engenheiro Alessander de Andrade Santoro, esclarece que a disponibilidade desse aplicativo permitirá uma melhor familiarização dos usuários com os produtos elaborados pelo Instituto presentes no portal AISWEB, tendo em vista a possibilidade de utilização por parte da tripulação durante os processos de planejamento e realização do voo, acompanhando a navegação em tempo real e acessando com agilidade as informações ao longo da rota voada.

De acordo com a Gerente do Projeto e Chefe da Seção de Planejamento de Informação Aeronáutica do Subdepartamento de Operações (SDOP) do DECEA, Major Engenheira Cristiane de Barros Pereira, o aplicativo reunirá as principais informações utilizadas pelos pilotos, reduzindo o tempo com consultas e com atualização das cartas e publicações de informações aeronáuticas (AIS). “Futuramente, com a disponibilização da função de navegação em versões próximas, contribuirá para o incremento da consciência situacional do piloto”, esclarece a oficial.

“Esse módulo abre caminho a um conjunto de facilidades, tais como, informações meteorológicas, NOTAM e de georreferenciamento integrados no mesmo dispositivo, de forma que possibilite uma redução da carga de trabalho do usuário e uma maior confiabilidade da informação”, explica o Tenente-Coronel Marcelo Jorge Pessoa Cavalcante, da Divisão Operacional da CISCEA.

Para a Comissão, a utilização de recursos eletrônicos no lugar dos manuais e documentos impressos é ecologicamente correto e implica em cortes de gastos com a carga morta, chamada Operação Paperless.

“Dentre os diversos benefícios observados com o uso do FPL BR – EFB, podemos destacar a redução dos custos operacionais relacionados aos processos baseados em papel, aumento da velocidade de atualização dos dados, facilidade de leitura em qualquer nível de iluminação na cabine e o acesso online à base de dados”, afirma a Engenheira Gisele Lima de Oliveira Silva, da Divisão Operacional da CISCEA.

A interface disponibiliza, ainda, a consulta de cartas de aeródromos, bloqueio da interação com a tela, visualização das emendas futuras e seleção das cartas como favoritas.

O aplicativo representa um avanço tecnológico de comunicação intersistemas realizada dinamicamente entre a API-AISWEB e o FPL BR – EFB, disponibilizando informações dinâmicas e precisas a cada publicação de nova emenda pelo Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA).

O aplicativo foi elogiado pelo piloto do Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV), Capitão Aviador Gabriel Brandello de Oliveira Haguenauer Moura, que ressaltou as vantagens do uso do software. “Permite uma série de facilidades, como na consulta das cartas, facilitando a busca com diversos filtros, a mobilidade e a segurança das informações em tempo real”, afirma o oficial.

Cerimônia

A cerimônia de lançamento do aplicativo FPL BR-EFB ocorreu no salão nobre da CISCEA, no dia 28 de janeiro, com a presença do presidente da CISCEA, Major-Brigadeiro Engenheiro Fernando Cesar Pereira Santos, do chefe do Subdepartamento de Operações do DECEA, Brigadeiro do Ar Ary Rodrigues Bertolino, do chefe do Subdepartamento de Administração do DECEA, Brigadeiro do Ar Sérgio Rodrigues Bastos Júnior, além de diversas autoridades do DECEA, CISCEA, ICA, GEIV e da empresa Atech.

O Major-Brigadeiro Fernando, presidente da CISCEA, fez a abertura do evento e destacou a dedicação e envolvimento de todos no desenvolvimento do projeto. Em seu discurso, o chefe da Divisão Operacional (DO) da CISCEA, Coronel Aviador Cyro Andé Cruz, agradeceu à equipe da DO e parabenizou todos os envolvidos pela integração.

“Ao DECEA, pela gestão do projeto, ao ICA que reviu processos, ao GEIV pelo empenho dos pilotos em testar o aplicativo e nos trazer o que precisava mudar, à Atech, pela parceria. Estamos no caminho de seguir os objetivos do DECEA, focando no usuário. Hoje é um dia muito especial para todos nós”, disse o Coronel Cyro.

A engenheira Gisele Lima de Oliveira Silva, da Divisão Operacional, fez uma apresentação sobre as principais funcionalidades do aplicativo FPL BR-EFB, e disponibilizou tablets e ipads para que todos pudessem navegar no aplicativo.

“A equipe se dedicou a esse projeto, que vem desde 2018 fazendo levantamento de requisitos e debates, para atingir o objetivo, que é a satisfação do usuário final”, disse a engenheira. O presidente da empresa Atech, Edson Mallaco, agradeceu pela confiança e afirmou estarem comprometidos para as próximas fases do projeto.

“Esse é um marco, gostaria de parabenizar à CISCEA pela inciativa, pelo desenvolvimento, pela parceria não só com a Atech, mas com o usuário, o que vai trazer um nível de qualidade muito grande para o aplicativo”, afirmou.

Para o chefe do Subdepartamento de Operações do DECEA, Brigadeiro do Ar Ary Rodrigues Bertolino, esse era um trabalho prioritário do Subdepartamento.

“O DECEA vem procurado cada vez mais se aproximar e trabalhar em prol do usuário, entender suas necessidades. Hoje nós atingimos uma grande massa de usuários do DECEA, do Brasil que utilizam essa aplicação e eu fico muito feliz por isso, por que houve uma sinergia de todos nós envolvidos. Agradeço a todos pela dedicação e parceria”, agradeceu o oficial-general.

CategoriesImprensa

Atech participa do Painel ATFM, durante o GATM 2019, em Dubai

O painel irá abordar inovações na área de ATFM, tais como “Regional ATFM” e “Long-Range ATFM”

Especializada em desenvolver soluções tecnológicas para a gestão do fluxo de tráfego aéreo (ATFM), a Atech, empresa brasileira do Grupo Embraer, é reconhecida mundialmente no setor, tendo um portfólio completo de soluções integradas. Devido a tal protagonismo, a empresa participará do Global Air Traffic Management (GATM), que acontece nos dias 19 e 20 de novembro, durante o Dubai Air Show.

A empresa participará do Painel “A Evolução do Gerenciamento do Fluxo de Tráfego Aéreo (ATFM)”, que acontece no dia 20 de novembro, às 13h10. Durante o painel, serão abordados temas como a colaboração com diferentes capacidades dos sistemas existentes no mundo, como explorar os benefícios do “Long-Range” no gerenciamento do tráfego aéreo e como melhorar a segurança do tráfego aéreo com a integração de diversos sistemas ATFM.

Contando com a Família Makron de soluções de integração de ATM e ATFM, a Atech apresentará as pesquisas, análises e conclusões sobre a implantação de conceitos de “Regional ATFM”, “Long-Range ATFM”, e “ATFM in a cloud”. Tal conhecimento baseia-se na experiência da empresa no desenvolvimento e implantação do SKYFLOW na Índia e do SIGMA (Sistema Integrado de Gestão de Movimentos Aéreos), no Brasil – ambos sistemas de gestão de fluxo de tráfego aéreo.

Na área de “Regional ATFM”, a Atech, juntamente com o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e com o Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), ambos ligados à Força Aérea Brasileira (FAB), está implementado no SIGMA um conceito de múltiplas instâncias, para tratar múltiplos países, com o objetivo de integrar os dados de fluxo aéreo de outros países da América do Sul. A colaboração entre os países vizinhos permitirá que todos tenham a consciência situacional em tempo real do fluxo de tráfego aéreo.

Dentro do conceito de “Long-Range ATFM”, a Atech assinou recentemente um MoU com a empresa Aireon para a integração do serviço de ADS-B satelital, fornecido pela Aireon, nos sistemas SIGMA e SKYFLOW. A expectativa é que essa integração aumente consideravelmente o nível de consciência situacional nas tomadas de decisões colaborativas, além do aumento considerável de acuracidade em aplicações de medidas de gerenciamento de fluxo.

SIGMA

A Atech, em parceria com o DECEA, vem desenvolvendo um projeto de expansão do SIGMA – a versão brasileira do SKYFLOW – para modernizar o parque de “hardware” do sistema, além de incorporar novas funções, novos algoritmos de medidas de gerenciamento de fluxos. A versão atual do SIGMA foi primordial para o planejamento estratégico do uso do espaço aéreo para os eventos da Copa do Mundo de Futebol FIFA/2014 e Jogos Olímpicos do Rio do Janeiro, em 2016. Em função desse planejamento, a pontualidade na Copa do Mundo 2014 foi de 93,4 % e nos Jogos Olímpicos 2016 a pontualidade foi de 91,2%, segundo o DECEA.

SKYFLOW

O SKYFLOW integra os dados de intenções de voos futuras das companhias aéreas, aeroportos e dados de órgãos de controle, incluindo dados de posicionamento das aeronaves, com informações de planos de voo e da situação operacional dos aeroportos e auxílios a navegação e comunicação, essenciais para a otimização do fluxo de tráfego aéreo. Com esta integração, o sistema permite que os órgãos de controle do tráfego aéreo atuem para equilibrar a demanda de voos com a capacidade operacional, a fim de garantir a segurança das operações, a regularidade e pontualidade dos voos. O SKYFLOW está em operação no Centro de Comando e Controle de Gestão de Fluxo de Tráfego Aéreo em Nova Deli, desde janeiro de 2017, suportando a gestão do fluxo nos seis principais aeroportos do país.

Sobre a Atech (www.atech.com.br) – Reconhecida como uma “System House” brasileira, a Atech sempre se pautou pela inovação com o objetivo de ajudar a transformar o país. Com uma expertise única em engenharia de sistemas e tecnologias de consciência situacional e apoio a tomada de decisão, a Atech trabalha no desenvolvimento de soluções inovadoras com aplicações nas áreas de tráfego aéreo, sistemas de comando e controle, segurança cibernética, sistemas de instrumentação e controle, sistemas embarcados, simuladores e logística. A empresa é responsável pelo desenvolvimento e modernização de todo o sistema para o gerenciamento e defesa do espaço aéreo brasileiro. Pela sua atuação, a companhia é reconhecida e foi certificada como Empresa Estratégica de Defesa pelo Ministério da Defesa do Brasil.

CategoriesImprensa,  Sem categoria

Atech participa do Sitraer – Air Transportation Symposium

Atech participa do Sitraer – Air Transportation Symposium

Especializada em desenvolver sistemas de gerenciamento e controle do tráfego aéreo, empresa abordará os desafios do setor para se preparar para a chegada dos veículos aéreos de propulsão elétrica (eVTOL)

A Atech, empresa do Grupo Embraer, participa do Sitraer – Air Transportation Symposium, que acontece de 22 a 24 de outubro, em Brasília (DF), reunindo especialistas do setor, entre profissionais da indústria, acadêmicos, agências reguladoras e autoridades aeronáuticas, para debater os avanços e inovações na área.

O gerente de Programas da Atech, Agenir de Carvalho Dias, apresentará o painel “Urban Air Mobility: The challenges and opportunities for the implementation of an Urban Air Traffic Management System”, no dia 22, às 14h30. Com o objetivo de provocar um debate sobre as demandas futuras do gerenciamento e controle do tráfego aéreo, com a chegada dos eVTOLs, veículos aéreos de propulsão elétrica de pouso e decolagem vertical para uso urbano, a Atech vai apresentar o conceito de mobilidade aérea urbana, que promete revolucionar a forma como pessoas e produtos serão transportados pelos grandes centros urbanos.

Durante o painel, Dias vai fazer paralelos entre a realidade atual e os desafios com a chegada do novo modal, levantando algumas questões, entre elas: como será a configuração do espaço aéreo dos centros urbanos para receber esses novos veículos; quais os protocolos de comunicação mais adequados; como gerenciar a nova demanda aérea; como garantir a segurança dos voos e o monitoramento desses veículos, entre outras questões.

“O Sitraer é um importante evento internacional sobre o transporte aéreo e o palco ideal para debater e pensar o futuro do setor. O mercado vem se antecipando à regulamentação de diversas tecnologias e a Atech propõe uma mudança nesse paradigma, com a adoção de estudos e projetos para a gestão do tráfego aéreo, em antecipação ao que a indústria deve lançar em um futuro próximo”, explica Dias.

Além de apresentar o painel, a Atech também participa do Sitraer 2019 com a publicação de artigos na área de inovação e de engenharia. Por ser referência internacional quando o assunto é gerenciamento e controle de tráfego aéreo, a Atech vem protagonizando o debate sobre o gerenciamento do tráfego aéreo do futuro e tem desenvolvido estudos na área.

Uma das principais parceiras do DECEA (Departamento de Controle do Espação Aéreo), ligado à FAB (Força Aérea Brasileira), a Atech é responsável por desenvolver e modernizar a tecnologia empregada no sistema de gerenciamento e controle do tráfego aéreo (ATM/ ATFM) presente em 100% do espaço aéreo brasileiro e também já exporta a tecnologia para países da América do Sul e também para a Índia.

Sobre a Atech (www.atech.com.br) – Reconhecida como uma “System House” brasileira, a Atech sempre se pautou pela inovação com o objetivo de ajudar a transformar o país. Com uma expertise única em engenharia de sistemas e tecnologias de consciência situacional e apoio a tomada de decisão, a Atech trabalha no desenvolvimento de soluções inovadoras com aplicações nas áreas de tráfego aéreo, sistemas de comando e controle, segurança cibernética, sistemas de instrumentação e controle, sistemas embarcados, simuladores e logística. A empresa é responsável pelo desenvolvimento e modernização de todo o sistema para o gerenciamento e defesa do espaço aéreo brasileiro. Pela sua atuação, a companhia é reconhecida e foi certificada como Empresa Estratégica de Defesa pelo Ministério da Defesa do Brasil.

Press Agency Atech – Rossi Comunicação

Valéria Rossi – Tel: + 55 11 9348-8562 – valeriarossi@rossicomunicacao.com.br

Karen Gobbatto – Tel + 55 11 3262-0884 – karengobbatto@rossicomunicacao.com.br

Denise Kelen – Tel + 55 12 98125-7800 – denisekelen@rossicomunicacao.com.br

Rossi Comunicação – Tel: + 55 11 3262-0884 – www.rossicomunicacao.com.br

CategoriesImprensa

Fórum Atech abre as portas para compartilhar conhecimento com a sociedade

Fórum Atech abre as portas para compartilhar conhecimento com a sociedade

Evento gratuito acontece no dia 28 de outubro, das 8h às 18h, no Cubo Itaú, em São Paulo

 

A Atech, empresa do Grupo Embraer, promove o 5º Fórum Atech, um evento anual de capacitação e debate de tendências inovadoras. Neste ano, em comemoração aos 10 anos de história da empresa, o Fórum Atech terá um novo formato, sendo aberto ao público no primeiro dia de evento (28 de outubro). As inscrições são gratuitas pelo site (https://www.sympla.com.br/5-forum-atech__641836?token=0ccfb11fd1d672b444f8927fb561a434) e o evento é voltado para profissionais, empresários, estudantes e comunidade acadêmica.

Com o tema central “A Atech impacta seu mundo”, a empresa abordará diversos assuntos, desde novas tecnologias e processos inovadores, sistemas desenvolvidos, entre outros. A programação do dia 28 de outubro será dividida em três blocos, com os palestrantes fazendo suas apresentações individuais, relacionadas aos temas e, ao final, uma mesa redonda para o debate do que foi explanado. Especialistas da Atech e do mercado apresentarão o que há de mais inovador sendo produzido no país.

A abertura será realizada pelo presidente da Atech, Edson Mallaco, às 9h, seguida por uma apresentação da Embraer sobre inovação no Grupo. Na sequência acontece o Bloco ATM (Air Traffic Management), com o tema “Os desafios da gestão de Tráfego Aéreo”. Esse bloco contará com a participação de representantes da EmbraerX e de autoridades da Força Aérea Brasileira (FAB).

A partir das 13h45 acontece o Bloco Defesa, dedicado ao tema “Soberania e Soluções de Defesa”, com a participação de representante da Embraer, do Comando Geral de Apoio (COMPAG) e da FAB. O terceiro e último bloco será realizado a partir das 15h45 com foco no B2B. O tema será “Excelência no agronegócio e visão de tecnologias de impacto para o futuro” e contará com a presença de representantes da Usina São Martinho, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo e da Aquarela.

“Tendo a gestão do conhecimento como uma de nossas premissas, a Atech valoriza e incentiva a disseminação do aprendizado acumulado como forma de contribuir com o crescimento de nossas equipes, clientes e parceiros, e, consequentemente, de toda a sociedade. Além de integrar as comemorações dos 10 anos da empre

sa, vamos poder dividir, ensinar e aprender com nossos clientes, parceiros e com todos aqueles que são entusiastas do desenvolvimento tecnológico do país. Faço aqui o convite para que todos participem do Fórum Atech no próximo dia 28 de outubro”, destaca o presidente da Atech, Edson Mallaco.

Confira a programação completa do 5º Fórum Atech:

09h00 – Abertura, com Edson Mallaco
09h30 – Visão da Inovação no Grupo Embraer, com Sandro Valeri
10h00 – Bloco Defesa “Soberania e Soluções de Defesa”, com Giacomo Staniscia (moderador) e os palestrantes Brigadeiro Crepaldi (COMGAP)

12h00 – Intervalo
13h30 – FullFace – Biometria e reconhecimento facial
13h45 – Bloco ATM “Os desafios da gestão do tráfego aéreo”, com Marcos Resende (moderador) e os palestrantes André Stein (EmbraerX), Cel. Ciccacio, Ten Cel Marcelo
15h30 – Intervalo
15h45 – Fhinck – Plataforma data & analytics
16h00 – Blobo B2B “Excelência no Agronegócio e Visão das Tecnologias para o Futuro, com Marcelo Eskenazi (moderador) e os palestrantes Agenor Pavan (Usina São Martinho), Dra. Gabriela (Secretaria de Abastecimento de São Paulo), Marcos (Aquarela)

17h45 – Encerramento

Serviço

5º Fórum Atech
Data: 28 de outubro, das 8h às 18h
Local: Cubo Itaú – Alameda Vicente Pizon, 54, Vila Olímpia, São Paulo – SP
Inscrições gratuitas pelo site:
https://www.sympla.com.br/5-forum-atech__641836?token=0ccfb11fd1d672b444f8927fb561a434

Press Agency Atech – Rossi Comunicação
Valéria Rossi – Tel: + 55 11 9348-8562 – valeriarossi@rossicomunicacao.com.br

Karen Gobbatto – Tel + 55 11 3262-0884 – karengobbatto@rossicomunicacao.com.br
Denise Kelen – Tel + 55 12 98125-7800 – denisekelen@rossicomunicacao.com.br
Rossi Comunicação – Tel: + 55 11 3262-0884 – www.rossicomunicacao.com.br

CategoriesImprensa

AIREON DATA SUCCESSFULLY INTEGRATED WITH ATECH SAGITARIO SYSTEM

AIREON DATA SUCCESSFULLY INTEGRATED WITH ATECH SAGITARIO SYSTEM

MCLEAN, VIRGINIA – October 21, 2019 – Aireon and Atech Negocios em Tecnologias S/A announced today that space-based Automatic Dependent Surveillance-Broadcast (ADS-B) data has been successfully integrated into SAGITARIO, Atech’s Air Traffic Control (ATC) automation platform, utilized by Brazilian Department of Airspace Control (DECEA).

SAGITARIO fuses space-based ADS-B data with other surveillance sources, like ground-based ADS-B, radar and Multilateration (MLAT). This can provide Atech customers, like DECEA, complete air traffic control, gate-to-gate from origin to destination airport. As of today, Atech has validated system applicability in the Air Traffic Control (ATC) center environment, adhering to standards and recommended practices established by The International Civil Aviation Organization (ICAO), EUROCONTROL, European Union Aviation Safety Agency (EASA) and the Federal Aviation Administration (FAA).

This integration is the successful outcome of collaboration between Aireon and Atech. In November 2018, Aireon and Atech announced the signing of a Memorandum of Understanding (MOU) to incorporate Aireon’s space-based ADS-B data into a broad suite of Atech’s products.

Atech CEO, Edson Carlos Mallaco, stated, “Innovation is the core of both Atech and Aireon, and this integration project provides air navigation services around the world with a powerfully unified tool to improve services.”

The MOU also included the integration of Aireon’s space-based ADS-B data into the Atech’s SIGMA and SKYFLOW Air Traffic Flow Management (ATFM) platforms. This has also been completed, allowing users enhanced long-range flow management and cross-border traffic analysis. Aireon’s global coverage will help these platforms compute capacity and demand for pre-tactical situational awareness and improve collaborative decision making in the region. These products will be used by current customers, including DECEA and The Airports Authority of India (IAA).

“This integration will dramatically enhance collaborative decision making among countries with neighboring flight information regions,” said Aireon CEO Don Thoma. “We are glad to partner with Atech to deploy Aireon’s space-based ADS-B data to improve situational awareness and air traffic management environments in Brazil and around the world.”

Through their broad suite of air traffic management tools, Atech, an Embraer Group company, provides mission-critical decision support to leading ANSPs, many of which are Aireon’s ANSP customers.

“We are in the beginning stages, but we are thrilled to watch leading ANSPs, such as AAI and DECEA, benefit from this capability we are bringing to market with Atech,” said Thoma.

About Aireon LLC 

Aireon has deployed a space-based air traffic surveillance system for Automatic Dependent Surveillance-Broadcast (ADS-B) equipped aircraft throughout the entire globe. Aireon is harnessing next-generation aviation surveillance technologies that were formerly ground-based and, for the first time ever, is extending their reach globally to significantly improve efficiency, enhance safety, reduce emissions and provide cost savings benefits to all stakeholders. Space-based ADS-B surveillance covers oceanic, polar and remote regions, and augments existing ground-based systems that are limited to terrestrial airspace. In partnership with leading ANSPs from around the world, like NAV CANADA, the Irish Aviation Authority (IAA), Enav, NATS and Naviair, as well as Iridium Communications, Aireon is providing a global, real-time, space-based air traffic surveillance system, available to all aviation stakeholders. For more information, please visit www.aireon.com.

About Atech

Atech, a leading systems integration company within the Embraer Group, is a world class air traffic management solutions and mission-critical systems company. With decades of experience developing and deploying state-of-the-art Air Traffic Control and Flow Management systems, we have grown to become a trusted partner to governments and corporations around the world. Atech’s comprehensive solutions portfolio enables Air Navigation Service Providers to implement gate-to-gate services safely and efficiently. For more information, please, visit www.atech.com.br.

CategoriesImprensa

Equipe da Atech fica em 2º lugar no NASA Space Apps Challenge 2019

Equipe da Atech, empresa do Grupo Embraer, composta pelos profissionais da Atech Marcelo Miyake (Software Engineer na Atech); Amon Lara (Full Stack Developer na Atech) e Luciano Costa (Product Owner na Atech), juntamente com Vinícius M. de Sousa (Data Scientist na Aquarela Advanced Analytics) e Thiago A. Yamabushi (Innovation Culture Leader na Embraer)

conquistaram o 2º lugar no NASA Space Apps Challenge 2019, um hackathon internacional promovido, anualmente, pela agência espacial dos Estados Unidos e que contou com a participação de mais de 30 times.

O objetivo do evento é que os participantes usem a criatividade para encontrar maneiras de resolver problemas que envolvem a Terra e o espaço e de contribuírem com a humanidade. Eles recebem casos reais desenvolvidos pela NASA e têm acesso à base de dados com informações da Agência.

A competição mundial aconteceu entre os dias 18 e 20 de outubro, em 200 cidades de todo o mundo, simultaneamente. A participação da Atech foi em São Paulo (SP), onde estiveram reunidos profissionais, empreendedores e apaixonados por tecnologia para uma maratona de programação, prototipagem e colaboração.

O desafio da equipe Atech era projetar e construir uma plataforma inovadora para integrar dados e informações de satélite relativas a áreas vulneráveis ​​e riscos ambientais, a fim de identificar as populações em maior risco. O projeto vencedor da empresa chamado “HUMAN + AID” visa minimizar os impactos de desastres, aprender com os eventos passados, lapidar ​​informações e melhorar a missão de resgate no futuro.

Os profissionais da Atech trabalharam no projeto em conjunto com representantes da Embraer e da empresa Aquarela Advanced Analytics.

As duas melhores equipes de cada localização são elegíveis para a etapa mundial. Já as duas melhores equipes do mundo ganharão uma visita ao NASA Kennedy Space Center, na Flórida.

“Foram mais de 40 horas online em um trabalho multidisciplinar que exigiu o máximo de cada integrante da equipe. Saímos de lá com a certeza de que, sim, podemos mudar o mundo”, Amon Lara, Full Stack Developer.

“Antes de participar do NASA Space Apps, eu achava que unir pessoas com diferentes pontos de vista era uma maneira saudável de conseguir bons resultados. Agora tenho certeza! Juntamos vários perfis em um ‘liquidificador’ ligado no 220v durante um fim de semana inteiro e, no final, muito orgulho. Construímos algo para um mundo melhor para nós!”, Marcelo Myiake, Software Engineer.

“Participar do hackathon da NASA foi uma experiência incrível! Apesar de nunca termos trabalhado juntos e termos que resolver um problema enorme em tão pouco tempo, comprovamos que, quando se trabalha com propósito, as barreiras são mais fáceis de serem superadas!” Luciano Costa, Product Owner.

“O clima do evento é uma mistura de Startup Weekend com Hackathon, e resulta em um ambiente de muita criatividade e empenho dos participantes, onde o maior resultado é a integração entre as pessoas trabalhando para criarem e validarem ideias que podem impactar o mundo.”  Vinícius M. de Sousa, Data Scientist.

Press Agency Atech – Rossi Comunicação

Valéria Rossi – Tel: + 55 11 9348-8562
valeriarossi@rossicomunicacao.com.br

Karen Gobbatto – Tel + 55 11 3262-0884  karengobbatto@rossicomunicacao.com.br

Denise Kelen – Tel + 55 12 98125-7800
denisekelen@rossicomunicacao.com.br

Rossi Comunicação – Tel: + 55 11 3262-0884 – www.rossicomunicacao.com.br