Saiba por que redes Mesh são mais confiáveis que a sua conexão 3G e 4G
CategoriesConexões Inteligentes,  Mineração,  Pro

Saiba por que redes Mesh são mais confiáveis que a sua conexão 3G e 4G

Com arquitetura mais flexível e maior suporte às aplicações, as redes Mesh estão ganhando cada vez mais espaço globalmente, especialmente nos casos de operações em áreas mais afastadas e com infraestrutura de telecomunicações mais carente, em que as conexões 3G e 4G não são capazes de cobrir ou cumprir com os requisitos básicos de confiabilidade.

Segundo um estudo divulgado no último ano pela empresa de pesquisa Transparency Market Research (TMR), levando em consideração os mercados na América do Norte, na América Latina, Ásia Pacífico, Europa, e Oriente Médio e África, uma porção significativa da receita gerada pelo mercado de redes Mesh vem dos investimentos nos setores de mineração, energia e distribuição de água, gás e óleo, especialmente na América Latina, no Oriente Médio e na África, considerados os mercados mais lucrativos para a aplicação de redes Mesh nessas indústrias.

No caso da indústria mineradora, os investimentos em aplicações de segurança, muitas vezes, ligadas a sensores que exigem conectividade com alto nível de confiabilidade, tem impulsionado os investimentos. A área de gestão de integridade das barragens, por exemplo, é uma das que estão recebendo investimentos para ir além do cumprimento das leis nacionais, otimizando operações e garantindo mais confiabilidade às práticas diárias de manutenção e monitoramento de condições dos empreendimentos.

Nos setores de utilities (energia, água, gás e óleo), as iniciativas relacionadas à adoção de medidores inteligentes são o maior destaque no aumento da demanda por redes Mesh, substituindo os velhos medidores que exigiam o deslocamento constante de técnicos para coletar as informações de consumo. Com uma conexão baseada em redes Mesh, as empresas transferem dados em tempo real, criando análises mais rápidas e precisas.

No Brasil, a implementação de tecnologias para medidores inteligentes tem ido ao encontro da Tarifa Branca, um modelo de tarifação que começou a valer no início de janeiro para usuários que optarem pela cobrança de acordo com o dia e o horário do consumo de energia. Como os medidores inteligentes permitem medir o consumo dos usuários minuto a minuto, as distribuidoras de energia elétrica podem oferecer esse modelo de cobrança, economizar no deslocamento de funcionários e ainda melhorar o gerenciamento dos serviços.

Entenda como funcionam as redes Mesh e suas vantagens

As redes Mesh têm sido utilizadas em uma série de aplicações de missão crítica, especialmente no setor minerador, em que dão conectividade a uma série de ativos que passam a enviar dados em tempo real por meio de dispositivos conectados, informando, minuto a minuto, as condições dos equipamentos.

Diante deste cenário, as redes Mesh têm emergido como uma solução de custo-benefício atrativo para comunicações sem fio, especialmente devido à sua fácil e rápida implantação, tornando-se um fator crítico em operações que exigem um alto nível de estabilidade e confiabilidade.

Ao investir em conexões 3G e 4G para conectividade sem fio, as empresas esbarram em uma série de obstáculos que tornam mais lenta sua implementação e, mais tarde, a adição de novos elementos, como a necessidade de Estações Rádios Bases – ERBs, que, além de implicar em um alto investimento, não são garantia de uma conectividade estável e do fim dos chamados “pontos cegos”.

As redes Mesh, por outro lado, permitem que os dispositivos atuem de forma descentralizada, sem que sejam necessários várias ERBs para expandir a conexão. No caso dos medidores inteligentes, por exemplo, cada equipamento se comunica com o que está mais próximo dele, passando os dados de dispositivo para dispositivo até, finalmente, chegar a um concentrador.

Assim, cada medidor tem múltiplas opções de roteamento, otimizando continuamente a topologia da rede para se adequar às mudanças, evitando falhas. Caso um dispositivo na rota atual falhe, por exemplo, os medidores podem rapidamente encontrar outro dispositivo em uma nova rota capaz de enviar os dados à concessionária de energia responsável. Ou seja, além de reduzir os custos de infraestrutura, as empresas dispõem de uma rede muito mais confiável e com alto nível de disponibilidade.

As soluções de Conexões Inteligentes da Atech dão mais confiabilidade às suas operações, permitindo gerenciamento e configuração remotos a uma série de indústrias. A solução de redes MESH da Atech oferece às concessionárias de energia capacidades como diagnóstico em tempo real e monitoramento da saúde da estrutura da rede, dando mais precisão aos dados coletados e possibilitando a identificação mais ágil de falhas que possam impactar o negócio. Conheça aqui nossas soluções de Conexões Inteligentes.