Conheça soluções de conectividade que vão melhorar a produtividade em logística
CategoriesLogística,  Pro

Conheça soluções de conectividade que vão melhorar a produtividade em logística

Para obter mais produtividade na área de logística, é essencial que as empresas contem com mais visibilidade dos processos de toda a cadeia de suprimentos. Um estudo divulgado pelo Business Continuity Institute revelou recentemente que mais de 78% das empresas têm visibilidade inadequada dessas atividades porque conta com sistemas errados e ineficazes. Diante deste cenário, não é surpresa que dados do Banco Mundial divulgados em 2016, no Índice de Performance Logística (LPI), indiquem que entre 13% e 35% das cargas não atendem os requisitos de qualidade esperados.

Por isso, cada vez mais empresas estão buscando soluções de conectividade para obter mais produtividade nos processos logísticos. Dados de uma pesquisa recente do Center for Global Enterprise (CGE), divulgada em 2016, estimam que uma cadeia de suprimentos digital e conectada pode reduzir custos de processos em 50%, e aumentar a receita em 10%.

As soluções de conectividade na área logística dão mais visibilidade e, consequentemente, mais produtividade e assertividade ao permitirem que as empresas quebrem silos de informação, sincronizando melhor dados de processos de várias funções diferentes, internas ou externas. Com isso, diversos agentes envolvidos nas operações, como armazenamento e transporte, podem otimizar suas atividades, por meio do recebimento de insights de diferentes áreas do negócio.

Os avanços das soluções de conectividade são parte da chamada logística 4.0, que tem revolucionado o modo como as informações são tratadas dentro da área de logística – tudo é conectado, e a grande quantidade de informações é integrada por sistemas modernos que cruzam dados de logística e outras áreas para gerar insights que permitam aos líderes de negócio tomar decisões rapidamente.

Tecnologias de conectividade como solução para obter visibilidade e reduzir custos

A internet das coisas está entre uma das principais tecnologias que potencializam o desenvolvimento de soluções de conectividade para a área de logística, no entanto, seu avanço ainda é lento entre as empresas de transporte de logística. Dados do relatório The Future of IoT in Enterprise, de 2017, revelam que a maior parte (96%) das organizações desse segmento acreditam que conectividade onipresente seja a base para a implementação dessa tecnologia, porém, 40% dessas empresas identificaram problemas de conectividade como um de seus maiores desafios.

A falta de integração com sistemas existentes é um dos principais pontos que dificultam a implementação de internet das coisas e, consequentemente, soluções de conectividade nos processos logísticos. Não é difícil encontrar empresas trabalhando com sistemas antigos e incapazes de suportar soluções de conectividade que trabalham com o grande volume de dados coletados ao acompanhar todos os estágios da cadeia de suprimentos.

O investimento em soluções modernas focadas na área de logística e na gestão da cadeia de suprimentos é importante para tirar mais proveito das soluções de conectividade. Soluções baseadas em internet das coisas, por exemplo, contribuem para o desenvolvimento de armazéns altamente integrados, garantindo a precisão do transporte e a rastreabilidade dos itens.

Ao mesmo tempo, a aplicação de dispositivos de Internet das Coisas na área de logística, como sensores conectados para acompanhar variações de temperatura, localização e outros aspectos da carga, possibilitam às empresas controlar de perto a qualidade das entregas.

O impacto do big data para otimizar as operações

A necessidade de tomar ações em tempo real requer que a área de logística tenha visibilidade e controle de toda a cadeia de suprimentos para garantir a execução de processos de maneira consistente e ágil.

Tecnologias baseadas em big data e análise preditiva, que, por meio da análise de múltiplas fontes, permitem obter insights úteis de diferentes estágios dos processos logísticos, identificando pontos de melhoria e possíveis falhas, ajudam a reduzir o custo de transporte, armazenamento e outros estágios da cadeia de suprimentos.

Cada vez mais empresas usam big data para obter insights que as soluções mais antigas ou mesmo os ERPs não são capazes de proporcionar. A automatização baseada em dados, em especial a automatização dos procedimentos de entrada e saída, por exemplo, permitem melhorar o uso de recursos como caminhões e armazéns.

Ao mesmo tempo, a combinação de aprendizado de máquina com a gestão da cadeia de suprimentos garante um melhor uso dos dados para identificar tendências de consumo e ganhar vantagens competitivas para o negócio.

A Atech, por meio da plataforma OKTO, oferece à área de logística uma série de recursos para realizar a gestão e a governança de processos logísticos globais, garantindo segurança, confiabilidade e alto desempenho. Integrando-se a sistemas industriais, administrativos e logísticos da organização, suas filiadas, parceiros e operadores, a Atech dá suporte à tomada de decisão na área de logística por meio de soluções de alta tecnologia. Conheça as soluções da plataforma OKTO para logística.